15 de jun de 2009

Dos livros que eu li

Hoje é dia de novidades aqui no Inverso. A Editora Ediouro enviou-me de presente um Livro para ler, com a condição de que eu falasse sobre ele aqui no blog. Aceitei correndo. Afinal, tenho certeza que todos vocês que vem até aqui todos os dias também adoram ler e não é nada mal receber dicas de livros legais. Para democratizar, gostaria muito que nos comentários vocês colocassem o que estão lendo, o que leram e gostaram.

O livro enviado pela Ediouro, chama-se Obra Imatura de Mário de Andrade. Com um pouquinho de tudo, poesia, ficção e ensaio, é possível fazer uma viagem maravilhosa pelos primeiros trabalhos do escritor com as palavras. Ler Mário de Andrade é um prazer. Até então, eu só havia lido Macunaíma de sua autoria. Adorei principalmente suas poesias.

" ... E, vagarosamente, se entranhando
no perfume vermelho da manhã,
ela vem triste, como que sonhando,
- ela, que é sã-
e ele, - o ferido- traz sorrisos francos,
vem assobiando entre seus lábios brancos
uma valsa alemã..."

Trecho de Epitalâmio

Para saber mais sobre o livro é só clicar aqui: Obra Imatura

Sabrina Davanzo


6 comentários:

Diii disse...

Vi o link do seu blog no blog da Maria! Adorei, visitarei sempree!!!!
Grande abraço!

souto disse...

gente! que chique! :]

semana passada ganhei de presente de um amigo o livro Perdas e Danos de Josephine Hart.
e logo no primeiro parágrafo uma frase já me ficou à memória:
"Existe uma paisagem interna, uma geografia da alma, cujos contornos buscamos durante toda a nossa vida."
depois volto pra contar se o livro é bom mesmo ;)

bjo

Sil disse...

Adorei a dica. Arrasou!
Bjs
Sil
www.depoisdodiva.blogspot.com

Ana Paula Sampaio disse...

Sabrina, lindo poema, fiquei com vontade de comprar o livro! Confesso que nunca li Mário de Andrade... Como faz pra ganhar livros??? rs beijos!!!

Rêmulo Melo disse...

Boa dica de leitura. Aliás, Mário é um mestre, consagrado com Macunaíma, mas com obras, como esta escondida. É preciso atitudes como esta para que se conheça outros livros do Moderno escritor.

wwww.remulomelo.blogspot.com.br

Fabi disse...

Ola td bem!
Nossa,que bom que as coisas sempre fluem pra vc e pro seu blog, a respeito de coisas novas e boas...adoro sempre vir aki e dar uma relaxa, ou ter mais um pensamento flutuante....
bom, o livro que eu terminei estes dias de ler nao é uma poesia, mas algo histórico : 1808. Indico,para quem se interessa por historia e é curioso a respeito do que acontecia nesta época, com a busca continua do Autor para fazer um grande livro.
Beijos a todos, e novamente parabens pelo Blog!