6 de mai de 2009

Proteção


Uma chuva de desgraça caía sobre sua cabeça. Diferente de todo mundo, não abria o guarda-chuva.

Sabrina Davanzo


5 comentários:

Carmem disse...

Muito bonito Sabrina!...
Proteção é o qe todos queremos!

Beijinho!

BAR DO BARDO disse...

ai, mas esse karma está muito pesado!

Susanna disse...

Eu sempre abro o guarda-chuva. Mas não (só) por proteção... Uso óculos, sabe, Sabrina? E não dá pra ficar, além de desprotegida, com os olhos embaçados - a menos que sejam por lágrimas...

Beijos!

Tonin disse...

Que lindo! E as ilustrações da Iris também!! Ela tem algum site ou blog dela?

Ler as suas palavras é como estar em um campo de margaridas. :)

bjos

Neotenia disse...

Não abrir o guarda-chuva... É bom quando a chuva é para lavar a alma, os pensamentos...

Certas vezes não abri o guarda chuva...