19 de mai de 2010

São meus olhos?



Não vejo mais os coelhinhos pulando no jardim. Será que eles cansaram e foram embora?
Também não sinto mais as borboletas pousarem em minhas mãos. Será que elas nunca estiveram aqui?
E o que dizer das abelhas que todos os dias faziam um zum zum zum trazendo mel para tornar minha vida mais doce? Meus olhos já não enxergam nada além da relva seca...
Meu Deus: ou eu estou ficando cega ou sempre fui louca.

Sabrina Davanzo



2 comentários:

XANDY disse...

...você tem o dom de transcrever para o papel seu sentimentos de uma maneira única e toda particular sua, e também de descrever os fatos da vida por um ângulo extremamente doce que só você sabe observar, mas como tudo na vida, isso também tem seu revés, a hipersensibilidade para os fatos da vida, não lute contra, apenas aceite e conviva porque isso é um Dom dependendo do ângulo que a pessoa enxerga...seja feliz!!!

Eduardo disse...

"Amar é ter um pássaro pousado no dedo..."