7 de fev de 2009

Insegurança

Vontade de ficar agarrada ao que está firmemente pregado. 
Caminho no escuro. 
Medo de deixar o conforto. 
Pés querendo ser raízes. 
verbo ir implorando para ficar. 

Sabrina Davanzo

8 comentários:

nina rizzi disse...

exatamente o contrá-rio de mim...

anny-linhaozzy disse...

Sabrina:
O tempo que levamos para crescer é o tempo de ter novos conhecimentos. O medo que tem é normal. Crescer, doi, ter medo preserva a vida.
Sei lá que diacho de coisas andamos aprendendo por aí, que nos torna assim. Com medo de viver. Ah, você é uma menina linda, com belos sonhos para sonhar. Vai até aprender a desenhar. A princípio os traços são inseguros. Como foi ao aprender andar, escrever. Dado o primeiro passo, o segundo vem em seguida. O corpo sabe disso. E você também sabe. Se dê o prazer da descoberta. São deliciosas se não exigir muito de você mesma. Somos aprendizes de tudo. Eu por exemplo ainda não sei como melhorar a aparencia do meu blog. E sei desenhar. Esta vendo como são as diferentes janelas que olhamos. Para dentro, para fora. Um balanço. Não tem importancia errar. É só uma resposta, por equanto. Enquanto não aprendo mais.
A vida é cheia de possibilidades. Se ainda não sabemos a resposta, vamos saber. Esteja sempre aberta a ela e ela a contecerá. E você vai dizer:"Ah, então é isto?" E um imenso bem estar vai te inundar." Aprendeu que ter confiança em voce mesma te fez dar o primeiro passo.
Não samemos o que vem a seguir. Viver é um risco, como voi andar. Não é mesmo? Você não lembra, mas garanto que a sua mãe lembra...
Nossa! Escrevi um post e mais alguma coisa.
Espero que tenha acendido uma vela.
Beijos de quem aprende todos os dias. Abrir janelas, cores diferentes. E novas amigas.
Anny.

Sabrina Davanzo disse...

Anny,lindo e profundo seu comentário. Aliás, comentário não. Conselho. Um conselho bom pra momentos de insegurança.
Adorei, e para começar vou tentar desenhar, de verdade. Não tento por medo, por saber que meus traços não vão sair lindos como eu espero.
Insegurança. Mas não tem problema " Não tem importancia errar. É só uma resposta, por equanto. Enquanto não aprendo mais."

Você acendeu sim, muitas velas.
Um beijo e obrigada!

Xandy disse...

Olá Sabrina!!! Hoje eu acordei com uma saudade de momentos felizes que vive na minha vida...não deve estár entendendo nada né...eu vou explicar...eu sou o Alexandre (Engenheiro Químico) que te conheceu no antigo ICQ lembra e nos encontramos algumas veses...pois é, a vida quis que eu fosse parar aqui em SANTOS litoral paulista e que por um infortúnio eu viesse ter CANCÊR que estou me tratando agora em São Paulo, hoje vejo a vida de uma maneira completamente diferente como via naquele tempo e olhando seu blog aqui, vejo quão linda é você e me lembrei porque um dia me apaixonei por você e agradeço a Deus todo dia por ter colocado pessoas tão fantásticas na minha vida mesmo que por pouco tempo fisícamente mais infinito na intensidade, estou impressionado em saber que pessoa maravilhosa você se tornou e queria te dizer que a sua inocência será perdida pois é uma consequência inevitável da vivência e logo da evolução, mais o geito criança de encarar a vida só depende de você, pois só quem sabe que já é um privelégio poder estár vivo e poder viver alegrias e também tristezas que fazem parte da vida, pode encarar a vida com levesa,otimismo e alegria pois afinal oque vier já é lucro...e finalmente o geito criança de viver a vida é, mesmo sabendo de todas as consequências e responsabilidades que temos é se entregar de corpo e alma aquilo que você está fazendo naquele momento sem se importar com o que irão pensar pois o mais importante nós já temos que é a vida e por um tempo muito curto...se aprende alguma coisa quando se está em um leito de hospital a quase 1 ano...seja feliz e viva a vida intensamente, evoluindo e aprendendo a cada dia pois a razão por estármos aqui é a evolução constante...até algum dia !!!

Sabrina Davanzo disse...

Alexandre, fiquei algum tempo pensando no que responder a você. Estou emocionada. Com tudo. Há tanto tempo sem ter notícias suas... eu não imaginava..
Engraçado que em um lugar onde deixo as palavras me guiarem, não sei o que dizer...Deixe seu email aqui pra mim, por favor.
Quero lhe escrever com calma.
Agora só consigo dizer que não imaginava que houvesse te tocado de forma tão especial..Estou feliz por ser assim..estou feliz por ter sido importante para você. você também me marcou.. mas naquela época, início de faculdade, início de uma vida com mais liberdade.. a gente não tem mta noção dessas coisas...
Vejo que por mais que esteja passando por um período muito difícil, vc está aprendendo muito e talvez esse seja o grande significado. Também passei por muitos momentos difíceis desde então... e às vezes, precisava tirar forças não sei de onde.. Que bom que vc as tem encontrado... Como vc descobriu o blog? .. Meu deus...
Quero muito poder falar com vc...
Adorei seu recado.. me fez muito bem... tem horas que fico pensando que em algum momento me perdi e nao sei mais quem eu sou.. e de repente, vem vc.. de tão longe, passando por dores muito mais reais, me mostrar isso.
Você precisou se tornar gente grande logo...
Eu que já quis desistir tantas vezes, lendo suas palavras agora de que a vida é um privilégio vi o quão sem sentido é pensar assim.
Obrigada.. de coração ( e com lágrimas nos olhos) desejo que vc se recupere o quanto antes para aproveitar ainda mais sua vida.
Força, saúde, coragem e muita paz é o que te desejo.
Um beijo, fique com Deus!

Sabrina Davanzo disse...

Alexandre,
esqueci de ressaltar: quero mto que vc me mande o seu email ou me escreva: sabrina.davanzo@gmail.com

Xandy disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
anny-linhaozzy disse...

Bom dia Sabrina!
Que bom estar aqui, agora. Dando bom dia a uma pessoa especial para si mesma. Isto irradia energia e amor de um dia cheio de sol.
Beijos,
Anny