9 de dez de 2009

Fique ao meu lado

Leia ouvindo: Minueto - Bach

Minha vontade é esperar pela primavera onde o calor do sol aquece sem castigar; Onde o canto dos pássaros é sinfonia em homenagem a vida e a tarde é poema escrito lentamente no céu. Talvez eu resista às tempestades deste verão escandaloso e alterado só para presenciar a aquarela da primavera. Meu corpo castigado pela intensidade do calor espera a paz da mais doce das estações.
Ah! Como desejo a primavera e seus cheiros... como desejo enxergar a vida desabrochando bela e perfeita diante dos meus olhos. Já posso me imaginar correndo pelas ruas proclamando: "Chegou a primavera! Libertem suas almas!". Mas, antes, espera ao meu lado, meu amigo, por esta bonança. Não se apresse em ir embora quando chega o verão... Fique por perto enquanto esses outros tempos precisam passar. Espera comigo, meu companheiro, o florescer. Porque uma hora ele há de chegar.


Sabrina Davanzo

2 comentários:

Mundo paralelo disse...

Nossa, muito lindo! Estava precisando ouvi palavras belas como essa. Meu dia foi tão conturbado hoje que cheguei a pensar que não iria acabar. E felizmente ele vai terminar de uma forma mais branda, mais tranquilo.
Gostei do teu lugar.
Beijos.

Juju disse...

Que lindo!!!!!!!!!!
Olha, depois de alguns meses voltarei a escrever no blog. Parabéns pelo teu sucesso! vc merece, seja feliz.

Bjo