2 de nov de 2013

Pirilampo


É preciso que você aprenda a ser que nem o vagalume. 
Encontre sua própria luz, saiba caminhar na escuridão sem depender da claridade de ninguém.
Procure descobrir como iluminar o caminho do outro sem consumir a sua própria energia.
Não tenha medo! Sua luz é suficiente para transpor a noite e se manterá acesa até o sol raiar, se assim você acreditar.


Sabrina Davanzo 


Nenhum comentário: