27 de ago de 2012

...




Mas aconteça o que acontecer, 
a gente tem que ter fé na vida, 
na gente, 
na nossa capacidade de superar e renovar. 
No mais, é seguir em frente. 
Porque a gente nasceu para ser nômade. 
Não pode ficar muito tempo 
parado no mesmo lugar. 


Sabrina Davanzo 

Pelos meus cálculos




Nós dois: 
Eu e você. 
Se você vai: 
Dois menos um. 
São três: 
Eu, você e a saudade. 


Sabrina Davanzo 




"...posto que é chama..."




Não sei por quê. 
Não sei até quando. 
Nem até onde. 
Só sei que é agora. 
Que hoje é tudo. 
Que esta é a nossa hora.

Sabrina Davanzo 




12 de ago de 2012

Abrigo





O amor é feito casinha de joão-de-barro: 
é construído devagar, no dia a dia. 
Sua matéria-prima é simples, 
mas aquece, acolhe. 
E a gente mora ali cheio de fé, 
confiantes de que estamos protegidos 
das nossas próprias tempestades 
e do vento frio da solidão. 

Sabrina Davanzo